Após repercussão negativa por conta da informação de que as obras de recuperação do sistema de abastecimento de água, que foi comprometido após estouro da tubulação da ETA-Paraíso devido às fortes chuvas na semana passada, o prefeito Mário Esteves utilizou meios de comunicação para tentar acalmar a população.

Nas redes sociais, Esteves publicou um vídeo informando que não iria medir esforços junto ao Governo do Estado, para encurtar o prazo para que as obras fiquem prontas. O prazo inicial anunciado pelo secretário municipal de Água e Esgoto, Wanderson Barbosa, era de até 40 dias.

Em um programa de rádio local na manhã desta terça-feira, o prefeito falou sobre o assunto, acompanhado de Bruno Kazuhiro, secretário estadual de obras e infraestrutura. Mário Esteves disse que até quarta-feira (19), a ETA-Paraíso já estará trabalhando com 100% de sua capacidade, contrariando a informação anterior. Kazuhiro aproveitou ainda para falar sobre a parceria do Estado com a prefeitura de Barra do Piraí dando aporte financeiro para a recuperação da tubulação e da infraestrutura dos locais afetados pelas chuvas de semana passada.

Segundo a Defesa Civil, no último dia 12 o volume de chuva encharcou o solo e provocou o deslizamento de um barranco, arrastando parte de uma tubulação de captação de água para a estação de tratamento ETA-Paraíso. O caso aconteceu na Rua Nossa Senhora das Graças, no bairro Morro do Gama. Nove bairros tiveram o abastecimento de água comprometido: Morro do Gama, Santo Cristo, Química, Centro, Assis Ribeiro, Grota do Neném, São João, Carlos de Queiroz e Oficina Velha.