A menina Ketelen Vitória Oliveira da Rocha, de 6 anos, que foi agredida e torturada pela mãe e a madrasta em Porto Real, morreu na madrugada deste sábado (24). 

De acordo com o boletim médico do hospital onde Ketelen estava internada, a menina sofreu uma parada cardiorrespiratória por volta das 3h30 e não resistiu. 

Ainda segundo o boletim, Ketelin veio transferida do Hospital Municipal São Francisco de Assis, no início da semana, com quadro de politraumatismo e coma arreflexo, apresentando múltiplas lesões corporais agudas e crônicas. Nas últimas 24 horas, o estado da menina se agravou, com ''deteorização das funções vitais''.

No início da semana, Ketelen foi levada para o Hospital Municipal São Francisco de Assis após ser espancada pela madrasta, Gilmara Oliveira de Farias, e a mãe da menina, Brena Luane Barbosa Nunes. Segundo informações, as agressões começaram na sexta-feira (16) e se estenderam até segunda-feira. Elas moravam no bairro de Jardim das Acácias, em Porto Real. 

Na última quarta-feira, a Justiça decretou a prisão preventiva das duas agressoras. Com informações da Agência Globo.