Durante convenção do Partido Social Liberal na Câmara Municipal de Volta Redonda nesta sexta-feira, 11, foi votada a coligação PSL-PROS Por uma Volta Redonda que vale a pena viver que oficializou Ademar Esposti como pré-candidato a vice-prefeito na chapa de Dayse Penna (PROS) e apresentou outros 23 nomes à pré-candidatura ao mandato de vereador. Também esteve presente o representante da coligação e presidente do PROS, Luiz Henrique Carvalho Gate.

Ademar Esposti afirmou em seu discurso que fará com Dayse uma dupla que trabalha pela justiça social “Eu tenho a grata satisfação de hoje estar ao lado de Dayse Penna. Dayse, você me conquistou com sua visão com respeito às pessoas menos favorecidas. Se a gente cuida do social a gente muda, as pessoas têm muita necessidade, temos muito trabalho nessa cidade, inclusive se pensarmos sobre os idosos. Quase 40% deles são alcoólatras e muitos são quase arrimo de família ou são sozinhos. No nosso governo teremos nossos olhos voltados para eles”, declarou.


Em sua fala Dayse Penna relembrou a recepção no partido PROS com emoção. “Eu me lembro bem que durante todo discurso vários políticos com mandato disseram para mim: Dayse prepare-se para uma guerra. De lá para cá soldados da paz começaram a se levantar, pessoas honradas. Fui apresentada ao meu vice, um homem com tanta garra, mostrando que a idade não é nenhum empecilho para a gente sonhar e se desenvolver. Para mim é uma honra caminhar ao lado de uma pessoa que desde o momento em que eu o conheci sempre me entusiasma e me encoraja”, declarou.

Também esteve presente na convenção o vereador Carlinhos Santana (PROS) que fez questão de frisar principalmente aos recém-chegados ao PSL o que irão encontrar pela frente. “Hoje a Dayse falou aqui em soldados da paz, mas nós vamos ter que ser da guerra também porque na política não vai haver brincadeira. Nós vamos precisar ser os soldados que vão para frente. Política se faz com amor, com carinho, mas com garra também”, afirmou

Ainda durante sua fala, a candidata Dayse Penna pediu aos pré-candidatos a vereador, a quem ela chamou de soldados da paz, para se levantarem e fez a leitura de palavras destacadas por ela no discurso de cada um dos pré-candidatos ocorrido no início da cerimônia. “Fiz questão de anotar o nome de cada um e cada palavra que chamou atenção no discurso de vocês, porque talvez vocês não se deram conta da importância e da vontade que vocês acabaram traduzindo em entusiasmo”. falou encorajando-os a enfrentar o pleito de 2020.

Entre palavras como, somar, contribuir, ficha limpa, eficiência, justiça social, oportunidade, condição de trabalho, presença dentro do município, melhorar, política boa, dignidade, diferença, responsabilidade, transparência, comprometimento e disponibilidade, Dayse encerrou seu discurso falando sobre a aliança firmada “Hoje eu preciso dizer para vocês que eu estou transbordando de emoção, porque eu considero que nós estamos nos casando, nesse momento estamos unindo as nossas famílias. Temos uma missão e ela é clara: levar a todos os cidadãos dessa cidade a melhor proposta para colocar a nossa cidade funcionando. Não vamos soltar as mãos, somos agora uma família” enfatizou.

Para encerrar o evento dirigido pelo presidente do PSL, José Carlos Ilias, o deputado federal Antônio Furtado fez as considerações finais. “Eu não olhei para pesquisas de intenção de voto, eu quis uma pessoa que fosse honesta, é por isso que está ai Dayse Penna. Precisamos manter entusiasmo, a união do PSL e a união com o PROS. Chegou a hora de Volta Redonda eleger a sua primeira prefeita, eu sou delegado de polícia e a Dayse é uma flor de aço”, afirmou.