Com a aproximação do carnaval, o Hemonúcleo de Barra Mansa se prepara para manter os estoques de sangue em dia. Para isso, está trabalhando no reforço do número de doações. 

De acordo com o coordenador da entidade, Sérgio Murilo Conti, o ideal é manter 30 doadores de sangue por dia. “Nem todas as pessoas que comparecem ao Hemonúcleo estão aptas a doação. Se mantivermos 20 doadores aptos por dia conseguimos manter uma condição confortável. Abaixo desse quantitativo, a situação se torna preocupante”, destacou.

As pessoas interessadas devem estar alimentadas, ter entre 16 e 69 anos e pesar acima de 50 kg. É necessário apresentar documento oficial com foto no ato da doação. Além disso, os voluntários devem ter dormido pelo menos seis horas antes da coleta e não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas. Fumantes devem evitar o cigarro até duas horas antes da doação. É recomendável ainda que o voluntário não tenha feito tatuagem, piercing ou maquiagem definitiva no período de 12 meses.

O Hemonúcleo de Barra Mansa funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. Porém, a coleta de sangue é realizada até as 11 h. À tarde, a unidade trabalha com a entrega dos resultados dos exames. A sede fica na Rua Pinto Ribeiro, 205, Centro, anexo a Santa Casa.

A entidade é referência em hematologia no Sul Fluminense, atendendo à demanda sanguínea dos hospitais do próprio município, Valença e Rio das Flores. Quando necessário também fornece bolsas de sangue para cidades vizinhas, como Resende e Volta Redonda.

 

Fotos:  Paulo Dimas